[RESENHA] Nove Plantas do Desejo e a Flor de Estufa, Margot Berwin
|
Nove Plantas do Desejo e a Flor de Estufa é o romance de estréia de Margot Berwin, recentemente publicado pela editora Intrínseca. O livro nos envolve numa história sobre a magia das plantas e faz o leitor mergulhar na aventura da protagonista atrás das nove plantas do desejo em Yucatán, México.

A protagonista Lila Nova, redatora de uma agência de publicidade recupera-se de um divórcio doloroso quando percebe que sua vida é igual à sua casa: comum, nova e vazia. Mas quando conhece o belo vendedor de plantas, David Exley, um mundo todo novo se revela, e ela resolve abandonar seu mantra pessoal - nada de animais de estimação, nada de gente, nada de problemas - descobre uma nova paixão, compartilhada pela autora: plantas.

Ela embarca numa viagem pelas florestas de Yucatán atrás de nove plantas místicas que trazem fama, fortuna, imortalidade e paixão. Sozinha na selva, é obrigada a aprender mais do que possa ter sonhado sobre si mesma.

O que despertou minha atenção nesse livro, além da belíssima capa, foi a citação do The Wall Street Journal. A promessa era “Um romance cômico, cheio de fantasia e pronto para ser uma das melhores estréias literárias do ano.”. Infelizmente, a história não superou minhas expectativas.

A narração, pelos olhos de Lila Nova, é bem leve e um pouco cômica, mas não faz você querer devorar o livro em poucas horas.

Trata-se de um romance maduro que mistura aventura, magia e amor, além do óbvio, plantas exóticas. A história parece promissora, um tanto clichê na primeira parte, mas depois toma um ritmo certo e com bastante reviravolta. Porém, as coisas acontecem rápido demais e a autora não pára de acrescentar magia, seja a das plantas ou a do povo Yucatán, o que torna tudo mais ficcional e em partes, um tanto absurdo. Vale acrescentar que há apologia à drogas haha

Os personagens são bastante peculiares, principalmente Armand. Acredito que as características marcantes não passam de uma metáfora ao ser humano atual ou aos sete pecados capitais, não pensei muito à respeito.

O livro tenta passar uma mensagem, que o autoconhecimento nos leva ao que nossa alma realmente almeja. Mas o que nossa protagonista realmente queria era um homem. Armand até diz que ela é uma mulher desesperada, o que concordo plenamente. Então não senti muita espiritualidade e profundidade na leitura que me fizesse refletir de fato.

Curiosamente, Nove plantas do desejo e a flor de estufa, teve os direitos cinematográficos adquiridos por Julia Roberts antes mesmo de seu lançamento. Será ele o novo Comer, Rezar e Amar?

Título: Nove plantas do desejo e a flor de estufa
Autor: Margot Berwin
Tradução: Adalgisa Campos da Silva
Nº de Páginas: 248
Ano de Edição: 2011
Editora: Intrínseca
Preço: R$29,90
Classificação: ♥♥




8 comentários:

Rachel Lima disse...

Parece um livro até bom, uma leitura divertida e descontraída. Desde que eu vi sobre ele, eu queria ler, sua resenha me fez ficar mais curiosa, haha. Eu estou acostumada com livros com passagens doidas demais, são os melhores, Q
Abraços, Thanny. :*

http://etcoetra.blog.br

This Gomez disse...

Eu já o imagino no cinema *.*

Queria muito lê-lo, mas acho que vou ter de esperar um pouco hehehe

Gostei muito da resenha, Thane, e ela me deixou ainda curiosa pelo livro =)

Mariana Ribeiro disse...

Este livro nunca despertou minha atenção, mas talvez algum dia eu mude de ideia e coloque na minha lista de desejados.
Pelo menos a sinopse não me chamou muito a atenção rsrs.
Ótima resenha Thanny!
Bjos.

Mariana Ribeiro
Confissões Literárias.

Leeh disse...

Não tinha já muito interesse em ler o livro, agora, então... HAHAHA
adorei a resenha, adoro críticas, quando as pessoas são sinceras assim em relação à um livro :P

xx

TecerGirassóis disse...

Que contexto espiritual para definição da personagem atordoada, é o contrário. Poxa, quando vi a capa, imaginei o mistico, romance, vida.
Há sempre surpresas em alguns livros.
Bjs
Renata
www.tecergirassois.blogspot.com

Books Journal disse...

Bom, acho que essa palavra é muito pesada pra descrever o que eu achei da sinopse do livro e do tema, tipo... Ridículo, não? Sei lá! Plantas com magia? Nunca tive vontade de ler esse livro, justamente por isso e tal ):

Beijos,
Kaká Xxx

Raphilicious disse...

Aaai, vou confessar que nao chamou muito a minha atençao nao, e por enquanto fica fora da minha lista de livros que tenho que ler desesperadamente :)

Bjos!

Laiane Lima disse...

Me chamou atenção pela arte (julgando o livro pela capa hahaha), mas eu realmente adorei.

Deixe um comentário:

- Comentários ofensivos/preconceituosos serão deletados.
- Quer divulgar seu blog? Seja meu parceiro, entre em contato.
- Em breve retribuirei seu comentário.

Related Posts with Thumbnails